Forte

by Bruno Souto

/
  • Includes unlimited streaming via the free Bandcamp app, plus high-quality download in MP3, FLAC and more.

     $7 USD  or more

     

1.
03:53
2.
03:46
3.
04:30
4.
03:27
5.
6.
04:02
7.
03:33
8.
03:33
9.

credits

released November 17, 2016

tags

license

all rights reserved

feeds

feeds for this album, this artist

about

Bruno Souto São Paulo, Brazil

contact / help

Contact Bruno Souto

Streaming and
Download help

Track Name: Forte
Não pense mais ter medo
De nunca mais me ter por perto
Entendo os teus segredos
Mais seu receio não tem nexo

Teu medo que se dane
No canto da tua boca
Escorre o meu prazer
Vem correr perigo
Sei que vale o risco de se arrepender

É forte
Quando só se tem coragem
Vem dançar comigo
No silencio que antecede o amanhecer
É forte
Quando não se tem saudade
Enquanto o medo dura
O entra e sai do teu prazer
Sou eu
Track Name: Amor Demais
Mil desculpas se eu exagerei
Eu tô cansando
Mil motivos pra continuar
Eu tô tentando
Mil e uma noites que a gente
Não se sente mais capaz
Mil orgulhos pra reconhecer
Quem foi que fez até demais

Essa nuvem cheia vai passar
Não vou sair daqui
Já não temos tanto tempo
Pra encontrar a paz
Eu segui com nosso passos
Não aceito recomeços
E o avesso desse amor
É amor mas não dá mais
Não dá mais porque é amor demais

Um milhão de passos sem pensar
Eu reconheço
Um milhão de curvas e desvios
Não tive medo
Um milhão e meio de caminhos
Que eu não sei por onde ir
Canto na certeza que esse rio
Vai chegar até o fim
Track Name: Repare
Quando a gente gosta
Não há raiva que supere
Quando a gente ama
Não há medo que separe
Repare
Não te dei qualquer motivo
Repare
Teu ciúme é teu castigo
Teu ciúme é teu castigo
Teu castigo é meu também

Eu nem preciso dizer que te amo
Mas digo mesmo assim
Você me acusa, me fere, me ofende
E ainda estou aqui
Ainda estou aqui
Track Name: Desconserto
Será que todo meu bom senso desapareceu?
Eu já não penso nem me lembro de querer pensar
Será que em meio a tanto desconserto, a cada passo teu
Ainda resta alguma chance de me consertar?

Será que todo esse veneno um dia sai?
Não sei
Será que só uma sangria vai curar de vez?
E aí me desconstrói
Me deixa tão desajustado assim
E ainda diz que tudo é desilusão

Meu bem, você me faz um mal que é bom demais
Meu bem, você me faz um mal que é bom demais
Meu bem, você me faz um mal que é bom demais
Track Name: Faz Parte do Amor
Assumo meu risco
Insisto em lhe querer
Me jogo de jeito
Feito um sonhador

Na febre que move
E em planos que gasto ao vento
Sigo sem medida de dor
Na certa que sinto que é pra sempre

O amor vai caber
Vem mais perto assim, vai
Tudo que faz parte é completo
Perto de você
Faz parte do amor
De tudo que faz parte do amor

À dois eu me rendo
Sendo teu prazer
Te invado de jeito
Feito um caçador

Não cessa o que sinto
Me engole por dentro, inteiro
Efeito que é feito um calor
E o sol se derrama sobre a gente
Track Name: Madrugada
Encarnado nesse amor
Perco o sono
Sigo aceso

Me faz falta teu calor
Nem deito
Juro por deus

Vejo adormecer
Se repetir
Um dia de saudade

Tento amortecer
Um coração
Sofrido e nervoso

Meus nervos vão gritar mais alto
E mesmo sem te ver
Teu cheiro varre a madrugada em mim
Track Name: Deixa
Tanto fogo quanto o tempo todo
Toda espera quer ter fim
Ir mais fundo
Convencer teu corpo
Se você disser que sim

Seja tanto quando for desejo
De querer se entregar
Em seu mundo cabe o meu veneno
Deixa eu lhe mostrar

Passe um tempo comigo
Deixa acontecer
Posso ser teu perigo, deixa
Vou te enlouquecer
Track Name: O Que Resta
Meu amor
O que é que há?
Se é que algo ainda resta
Pois de resto eu só vejo o fim
E no fim não vejo festa

Meu amor
Toda cor cinzenta
Se você não se apresenta
Ao seu posto, posto que não sei
Distinguir na tua ausência

Vem e diz que não é nada disso
Volta, revela algum sorriso nessa boca
Me deixa respirar na tua nuca
Pra nunca mais dizer que não existe
E ninguém vai ficar triste
Como ficam os mortais
Imunes à eternidade
Arde o tempo
Queima de saudade
Nós sem tempo
Sem motivo
Sem vontade própria
Coisa própria do amor
Track Name: Muito Além de Nós
Tantos quais que são porquês
Meu céu então queimou
São sinais, tá tudo bem
Teu feito me bastou

Feliz por um segundo
Quis mudar
Rumou pro velho mundo
Cheguei a desaguar

Corre o tempo muito além de nós
Sigo intenso e o teu já se foi

Tantos quais que são poréns
Pior se apresentou
Nesse estado não convém
Regresso, sangue em flor

Feliz por um segundo
Quer gritar
Não basta o velho mundo
Do fundo quer chegar

Corre o tempo muito além de nós
Sigo intenso e o teu já se foi